#005 – 05.01.2012# Noite de Reis

Sol na rua, chuva em mim.
Há dias que não devíamos sair da cama, nem falar com ninguém. Somos assombrados pelo toque de DesMidas… Tudo o que tocamos vira pó e falamos quando devíamos ficar calados, de boca calada não magoamos quem nos rodeia.
Hoje foi um desses dias. Acordei com um pouco de febre, dor de garganta e cabeça. Irritabilidade física e psicológica. Passei o dia fechada na cave, onde trabalho. À saída tirei a câmara da mochila, nada despertava a atenção. Foi quando me lembrei que era Noite de Reis.
Fui, à ultima hora, comprar um bolo rei (ainda morno), abri sonoramente um espumante e sentei-me a admirar a Árvore de Natal.

Deixe um comentário:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s