#009 – 09.01.2012# Santa Luzia como Cenário

Inventamos trabalho, até nas horas de lazer. Foi o que eu fiz com o “diário 366”.
Não é nada fácil tirar uma fotografia por dia quando fazemos quase sempre o mesmo trajeto e passamos grande parte do tempo entre quatro paredes.
Há que inovar. A questão é como?
Dizem os peritos que a hora de almoço é a pior hora para fotografar. Concordo mas também se diz que quem não tem cão, caça com gato. É o que penso fazer. Agarrar o gato pelo rabo na hora de almoço e sair com o dedo no gatilho, pronto a disparar contra qualquer poeira que cruze o meu caminho.
Circulo a baixa velocidade, olhando em todas as direções. Vejo alguém sentado no meio do verde, tendo o templo de Santa Luzia como cenário. Foi encostar o carro e aproximar-me. Demorei demasiado. Quando cheguei perto, não estava mais sentado. Santa  Luzia continuava ao fundo, sobranceira. Após o esforço, impossível desistir do registo.

Deixe um comentário:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s