#027 – 27.01.2012# Por do Sol na Praia

Um acontecimento irrelevante pode marcar o dia e fazer desaparecer um sorriso de ideias.
Ao início da manhã um detalhe, que noutro momento seria anedótico, ganhou proporções dantescas e apossou-se de mim.
Numa atitude ruminante isolei-me no quarto escuro. No entanto, fiquei à escuta, esperei uma silhueta que me libertasse.
O tempo passou, ninguém chegou, o castigo acabou como começara… sozinho. Por vontade própria decidiu que era hora de calar o silencio. Voltar à estrada.
Próxima paragem, por do sol na praia. Uma mão estendeu-se na minha direção, agarrei-a confiante. As ideias voltaram a sorrir.

Deixe um comentário:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s