#057 – 26.02.2012# Como Colombo

Saí com a ideia de andar a pé. Acabei andando quase 300km… de carro.
Tinha uma vaga ideia de onde queria ir. Até me perguntaram, “há cascatas?”
Se calhar há, eu é que andei à deriva e não vi nenhuma. O mais parecido foi este bocado de água numa beira de estrada.
Andei por montes e vales, senti-me uma formiga ao olhar para as rochas que se erguiam ao meu lado. Andei por caminhos que não sonhava que pudessem existir, muito menos serem habitados!
Fui insultada por uma mulher porque estacionei 10 minutos o carro em frente à porta da casa, enquanto fui tirar uma foto a uma velha ponte.
Quando é assim, digo que ando como Colombo. Saio com um destino cuja localização desconheço, ando por terras e lugares que não sei onde ficam no mapa (apenas sei que estou na Península Ibérica) e quando regresso não consigo explicar por onde andei.
Assim se passou a tarde de domingo.

2 Comments Add yours

  1. Anonymous says:

    Terras portuguesas e espanholas…Mas aqui ainda havia água…

    1. rossanaf says:

      Sim .. e tirando saber que eram terras portuguesas e espanholas, mais nada sabemos 😉

Deixe um comentário:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s