#079 – 19.03.2012# Se as Peças Falassem

Ultimo dia de inverno, às 22h00 somente uma única fotografia.
Pego na câmara e tento um motivo válido de registo, em casa.
Olho a secretária e vejo a caixa do puzzle aberta, um monte de peças sem nexo à espera de serem unidas e transformadas numa imagem. Montar um puzzle é um passatempo solitário que aviva as recordações e me acalma. Para cada peça que encaixo procuro outra, e outra, e outra… distraio das horas e do relógio.
Sem entender o porquê retenho na memória cada puzzle que completei. Os cachorros que fiz e desfiz em criança, paisagens de neve em setembro de 1986, “Las Niñas” ao som de “I Got You Babe”, em dezembro de 1987, seguiram-se moinhos, desenhos animados, enfim… um por ano, em média.
Se as peças falassem, muito contariam do que ouviram e sentiram ao serem manuseadas. Confio nelas, sei que não falam, ouvem apenas!

2 Comments Add yours

  1. Lo Lima says:

    Mais um puzzle em cima da big secretária para ser montado…

    1. rossanaf says:

      Não posso estragar a média… O ano já tem 79 dias, tenho de dar ao dedo 😉

Deixe um comentário:

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s